Mara Pedro

Pequena na idade mas com a experiência  e maturidade de mais de 10 anos em palcos pelo mundo, Mara Pedro tem 18 anos e o seu amor pelo fado cresce a cada dia.

Era uma vez uma criança de 4 anos que se encantou por esse canto da saudade, por esse FADO profundo!

MARA PEDRO nasceu a 9 de Dezembro de 1998, em Viseu, Portugal. Oriunda de uma família sem raízes fadistas, desperta para o fado aos 4 anos, quando ouve pela primeira vez a voz da maior fadista portuguesa, Amália Rodrigues, numa barraquinha de feira popular, em Aveiro.

O que a diferencia das demais fadistas é ausência de influências familiares, ou pessoas relacionadas com o fado, durante a sua infância. A sua voz, estranhamente madura, desde tenra idade, surpreende quem a ouve. No palco, a sua simplicidade e empatia com o seu público, que gosta de sentir próximo e olhar nos olhos, expressa o seu canto, através do sorriso que a caracteriza.


Participações


Percurso

Aos 4 anos

Faz a sua primeira apresentação numa conferência médica, no auditório da cidade da Guarda, deixando a plateia admirada com a sua voz e postura descontraída em palco;

Aos 9 anos

  • Vence o concurso, “Alverca dá voz ao Fado” em Lisboa;
  • Sagra-se vencedora absoluta, no Festival da Canção “Clave de Prata” em Lisboa, com a canção inédita, POVO INTEMPORAL, com melhor letra, melhor música e melhor interpretação, sendo a música criada por Mara Pedro e interpretada ao piano por José Carmo, músico e amigo da fadista;
  • Realiza o seu primeiro concerto a solo, na Feira de S. Mateus 2009, em Viseu, seguindo-se 2010, 2011, 2012, 2013, 2015 e 2016;

Aos 10 anos

  • Coliseu do Porto, canta ao lado de Maria da Fé, no aniversário dos 50 anos de carreira da fadista;
  • Participa no álbum de música infantil: A CASINHA DO DRAX, com o tema CORES;
  • Vence o concurso de Fado amador, em Olhos de Água, Algarve;
  • Prémio Revelação do Fado, no auditório Pedro Ruivo, em Faro;
  • Vence o concurso de fado, de Vila Real de Santo António, concorrendo com jovens entre os 20 e os 25 anos, sendo ela a mais jovem concorrente;
  • Vence o prémio ARTISTA REVELAÇÃO, em Armação de Pera, Algarve;
  • Prémio Anim´Arte, revelação na música;

Aos 11 anos

  • Participa na Gala “Fado História de um Povo” uma produção de Filipe lá Féria, no Casino do Estoril;
  • Edita o seu 1.º Álbum: DOCE FADO

Aos 12 anos

  • Realiza o seu primeiro concerto internacional em Paris;
  • Integra a grande reportagem O MELHOR DE PORTUGAL, juntamente com o escritor Lobo Antunes, para o CANAL ART, na Alemanha.
  • Participa nos concursos televisivos: PORTUGAL TEM TALENTO na SIC e UMA CANÇÃO PARA TI na TVI, sendo disputada na época, pelos dois canais portugueses, visto ter concorrido aos dois e, sem esperar, passou em todas as eliminatórias, chegando à final nos dois concursos;

Aos 14 anos

  • Apresenta o seu 2.º Álbum FADO ALMA DO MUNDO, com 12 temas, 8 dos quais inéditos.

Aos 15 anos

  • Realiza concertos internacionais: EUA (RI, New Bedford, Fall River, N. Jersey, Hardford) CANADÁ (Toronto) ALEMANHA (Hamburgo) SUIÇA (luzern), ESPANHA (Salamanca, Coruña, Madrid, Astúrias, Gijon)
  • Apresenta o seu 3.º Álbum FADO SORRISO, onde cada tema tem um significado muito especial e pessoal.
  • Participa no FESTIVAL CAIXA ALFAMA
  • O álbum FADO SORRISO é reconhecido pelo Ministério da Economia, como um produto português de grande qualidade musical, certificado pelo selo PORTUGAL SOU EU;
  • Integra o elenco artístico, da peça de teatro ALFAMA UMA HISTÓRIA DE FADO;

Aos 16 anos

  • Realiza concertos internacionais na LITUÂNIA, CANADÁ e FRANÇA
  • Embaixadora de uma linha de sapatos, com simbolismo do fado, criado por Zélia Maia;
  • FADO SORRISO, o seu 3.º álbum, é selecionado para integrar o livro FADO, de Samuel Lopes, uma coletânea, onde constam, fadistas, músicos e poetas, que mais se destacaram na história do Fado e na atualidade; 
  • Volta a integrar o elenco de artistas do maior festival de fado, CAIXA RIBEIRA - PORTO.

Aos 17 anos

  • Termina o 12.º ano de escolaridade e ingressa na Universidade, no curso de Medicina Dentária, continuando o seu percurso fadista, conciliando as suas duas paixões. Realiza concertos pelo país e estrangeiro. Viaja pela primeira vez para a CALIFORNIA  onde realiza vários concertos. Volta ao CANADÁ, onde realiza um concerto em Mississauga, seguindo-se FRANÇA e SUIÇA.

Aos 18 anos

  • Viaja novamente para CALIFORNIA onde regressa por 3 vezes nesse ano 2017.
  • Faz o seu primeiro concerto no estado de NEVADA, Las Vegas
  • Ganha PRÉMIO INTERNACIONAL DA MÚSICA PORTUGUESA nos EUA, IPMA (Internacional Portuguese Music Awards) com o FADO SORRISO do seu 3.º albúm, Best Fado Performance
  • Volta a realizar concertos na FRANÇA, ALEMANHA e  LITUÂNIA